segunda-feira, março 26, 2007

Em Abril, cada pulga dá mil:

New Folk
BONNIE “PRINCE” BILLY & FAUN FABLES
4 Abril, quarta, 21.30, SP
www.dragcity.com
www.faunfables.net
€ 8
De voz trémula e guitarra embaladora, o “príncipe” da new folk americana faz-se acompanhar pelos mágicos Faun Fables. Música redentora, religiosa até, cheia de histórias e de estrada, que se traduz em dois dos melhores momentos de 2006, agora ao vivo: “The Letting Go”, do primeiro, e “The Transit Rider”, dos segundos. Ficam duas ideias: ambos andam longe dos rótulos e são importantes inventores de formas de vida.

Teatro
MegaGigaFruitiByteJackPote!!!
12 e 14 Abril, quinta e sábado, 15.00, SP
13 Abril, sexta, 21.30
15 Abril, domingo, 11.00
ameninadosmeusolhos.no.sapo.pt
€ 5

Era uma vez… numa galáxia distante, um planeta chamado Megagigafruitibytejackpote, onde habitam as heroínas desta história que representam a pirâmide dos alimentos… as primas Broculina, Raquel Cereália, Leonácia e Popótama. A sua missão é vir ao planeta terra para ensinar que bem comer e que os dentes lavar dá saúde e faz crescer. Cada uma tem uma forte especialização: a Broculina pela protecção e pela energia (hortícolas, frutas e leguminosas), a Raquel Cereália pela energia e pelo bom funcionamento do organismo (cereais), a Leonácia pelo crescimento (lacticínios, carne branca, peixe, soja e ovos) e a Popótama pelas energias de reserva (óleos vegetais, frutos secos, gorduras e carne vermelha) – as gordurinhas que só podem ser consumidas em poucas quantidades. As nossas heroínas chegam num grande foguetão sem saberem que agarrado à turbina vem o Jack dos Bites, grande vilão que só quer desagregar a família alimentar e até já seduziu e enfeitiçou a pobre Raquel Cereália, desviando-a do bom caminho, o dos cereais. Entre peripécias e aventuras várias, tentam arduamente construir a pirâmide dos alimentos para explicar como funcionam as regras de uma alimentação boa e saudável, ao mesmo tempo que combatem o Jack tentando salvar a pobre Raquel do seu feitiço, o dos doces!!! Será que as nossas mega-heroínas conseguem resgatar a prima Raquel Cereália? E será que a missão Megagigafruitibytejackpote fica cumprida e a pirâmide construída?

Co-criação e interpretação: Ana F. Gouveia, Beatriz Cantinho e Marina Nabais Figurinos: Iñaki Zoilo Música original: João Bucho Vozes: Ana F. Gouveia, Beatriz Cantinho, Marina Nabais e Joana Brandão (participação especial) Cenários e adereços: Fernando Ribeiro Desenho de luz: José Álvaro Correia

Germanland 2007 – Panorama das Músicas da Alemanha
Electronica
JASON FORREST BAND
14 Abril, sábado, 22.00, PA
www.cockrockdisco.com
€ 10

Uma experiência intensa e visceral que tem conquistado fiéis por toda a parte. A música de Jason Forrest, difícil de classificar, tanto passa pela imitação de Donna Summer como por uma descarada pose revolucionária, misturando todos os géneros musicais. Dono da Cock Rock Disco, que no seu catálogo, cada vez mais forte, tem vindo a editar Duran Duran Duran, Assdroids, Pisstank, Drumcorps e Stunt Rock, Forrest é um nome absolutamente a reter.

Companhia de Teatro de Braga
BURACO
17 e 19 Abril, terça e quinta, 11.00 e 15.00, PA
18 e 20 Abril, quarta e sexta, 11.00
www.ctb.pt
€ 5/€ 2

Uma reflexão acerca dos preconceitos sobre a guerra que, em tempo de paz ameaçada, são veiculados por agentes só aparentemente alheios à sua lógica triunfante. Era uma vez uma menina que não queria ser menina, uma mãe que não queria ser mãe, um pai que se esquecia de ser pai por causa do seu trabalho e um cabeleireiro que despenteava os cabelos. Estamos em véspera de uma guerra arrasadora. Estas quatro personagens, arrancadas à rotina, encontram-se num refúgio. Todas elas acreditam que a guerra lhes permitirá mudar o curso da sua existência. “Buraco” pretende ser uma reflexão acerca dos preconceitos sobre a guerra que, em tempo de paz ameaçada, são veiculados por agentes só aparentemente alheios à sua lógica triunfante.

Autora: Regina Guimarães Encenador: Rui Madeira Cenógrafo: Alberto Péssimo Figurinista: Sílvia Alves Actores: Carlos Feio, Elisabete Piecho, Rogério Boane e Solange Sá Ambiente Sonoro: Pedro Pinto Desenho de Luz: Rui Madeira e Miguel Meireles


Country Alternativo
BOBBY BARE JR.
18 Abril, quarta, 21.30, SP
www.bobbybarejr.com
€ 10

Bobby Bare Jr. tem dois heróis: Silver Jews e Frank Black. A par disso combina humor, dor e raiva como poucos. A revista americana Spin escreveu que “este texano faz country alternativo como deveria fazer-se sempre”. Mas também há críticos que o detestam. Gravou com os My Morning Jacket e o seu “The Longest Meow” foi considerado por muitos como um dos melhores discos de 2006. Para gente de gosto sofisticado.

Pop
PATRICK WOLF
19 Abril, quinta, 21.30, SP
www.patrickwolf.com
€ 12

Com apenas 23 anos, Patrick Wolf editou este ano um disco pop como há muito não se ouvia. Luminoso e fresco, “The Magic Position” é feito de confissões e cheio de boas árias, assumindo o seu autor a posição de alguns artistas que admira, algures entre David Sylvian e Divine Comedy. Ao vivo, Wolf apresenta-se com grande maturidade e talento, a testar agora no Theatro Circo, após a sua última passagem por Portugal, em 2005, no Festival Para Gente Sentada.

“João”
MARIA JOÃO
20 Abril, sexta, 22.00, SP
www.mariajoao.org
€ 15

“João”. Simplesmente “João”. Assim se chama o novo disco de Maria João. Depois de um período de 12 anos de grande cumplicidade com Mário Laginha, a cantora aposta agora num trabalho em seu nome, que inclui 14 temas saídos do riquíssimo cancioneiro popular brasileiro. A viagem pela música do outro lado do Atlântico inclui canções que foram, na sua grande maioria, alvo de inúmeras versões e interpretações, o que faz do novo trabalho em estúdio, como a própria intérprete reconhece, “um desafio arriscado”. Essa é uma das razões mais fortes para a cantora ter escolhido “João” para título de um trabalho muito pessoal que estava em maturação há já alguns anos e, explica, porque é assim que a tratam os amigos e as pessoas que lhe são mais próximas. Agora ao vivo, perto de nós.

Guitarra: Mário Delgado Contrabaixo: Yuri Daniel Bateria: Alexandre Frazão Harpa: Eleonor Picas

Art Rock
ROBERT FRIPP SOUNDSCAPES & THE LCG
23 Abril, segunda, 21.30, SP
www.thelcg.net
www.king-crimson.com
€ 30 € 20

Um dos mais geniais guitarristas de sempre, membro dos King Crimson, e o colectivo The League of Crafty Guitarists (LCG). Figura incontornável do progressivo mundial, Robert Fripp é provavelmente o mais influente músico de todo o género. O espírito inovador e irrequieto leva-o a reinventar constantemente o estilo de compositor e guitarrista, potência que o terá levado a desenvolver o projecto The LCG, que fundou em meados dos anos 80, juntamente com os alunos do seminário Guitar Craft. A colaboração entre formador e formandos manteve-se, sob a forma de ensemble, com a gravação de vários álbuns e a realização de inúmeros concertos. Agora em Braga.

New Folk
AKRON/FAMILY
23 Abril, segunda, 23.59, PA
www.akronfamily.com
€ 10

Estreia em Portugal de um dos melhores colectivos do momento. O álbum “Meek Warrior”, dos Akron/Family, foi considerado por muitas revistas da especialidade como o melhor de 2006. Ao vivo são imprevisíveis e festivos, geradores de criativas energias. Certamente um dos concertos mais esperados do ano.

A Naifa
COMEMORAÇÕES DO DIA DO HOSPITAL
26 Abril, quinta, 21.30, SP
Org: Hospital de S. Marcos (Braga)

“…sou do tamanho do que vejo e não do tamanho da minha altura”
BRUNO NOGUEIRA A SOLO
27 Abril, sexta, 21.30, SP
www.corpodormente.blogspot.com
€ 12 € 10 € 8

Debruçado sobre temas que fazem comichão no céu-da-boca dos nervos, “…sou do tamanho do que vejo e não do tamanho da minha altura” é um espectáculo que deixa Bruno Nogueira sozinho em palco. E no seu mundo. O artista, o comediante, e acima de tudo o filho que todos queriam ter.

Texto: Bruno Nogueira e João Quadros Cenografia: João Mendes Ribeiro Figurinos: Dino Alves Vídeo: Até ao Fim do Mundo

Future Jazz
TRIOSK
27 Abril, sexta, 23.59, PA
www.triosk.com
€ 8

Intrigantes e sofisticados, os Triosk vivem na Austrália mas são suficientemente singulares para chegar com força à Europa. “The Headlight Serenade” é o pretexto para uma curta digressão do trio em Portugal – bateria, baixo e teclas –, uma obra-prima cheia de bom gosto e sem falhas, a demonstrar no Circo.

Françamente – Panorama das Músicas Francesas
MOURON & TERRY TRUCK
28 Abril, sábado, 21.30, SP
mouron.free.fr
€ 12 € 8

Um corte de cabelo à Tintin, uma voz arrebatadora e cheia de drama: Mouron é a cantora monárquica por excelência. Uma espécie de palhaço triste de olhos meigos, capaz de interpretações puras e poderosas que penetram os nossos corações. Consigo em palco, Terry Truck, pianista do meio cabarético alemão de prestígio. Juntos decifram canções de Jacques Brel e Edith Piaf. No final do concerto uma certeza: nunca iremos esquecer este evento magnífico.

Música Moderna Portuguesa
MUNDO CÃO
28 Abril, sábado, 23.59, PA
www.myspace.com/mundocao
www.photosbyworld.com/e-card/mundocao
€ 7

Os Mundo Cão são um novo projecto rock, com a peculiar voz de Pedro Laginha, colaborador dos Mão Morta, onde também estão Adolfo Luxúria Canibal (autor de todas as letras) e Miguel Pedro. Dessa relação nasce agora álbum homónimo e um dos mais explosivos cocktail-rock do momento, dignamente viciante.

Dança Ateliers e Espectáculo
ARTE TOTAL
29 Abril, domingo, 9.30 às 12.00
€ 2

Projecto do Arte Total – Centro de Educação pela Arte, instituição especializada na área da educação artística, criada em 1992 com o objectivo primeiro de formar uma estrutura especializada nas áreas da dança, música e artes plásticas. Neste âmbito, numa parceria com o Município de Braga, são apresentados cinco ateliers, para diferentes idades, tendo como fim um espectáculo final com todos os participantes. Para todos, a partir dos 3 anos.

2 Comments:

Blogger Picadorinha said...

eia, espectáculos pra crianças, finalmente!
Visto q a minha sugestão anterior foi aceite (provavelmente coincidência, mas não interessa, o q importa é q o Bruno Nogueira já cá vem), aproveito pra sugerir espectáculos pra crianças: Fui ver ao Rivoli o musical "O Feiticeiro de Oz", q me surpreendeu pela positiva (não sei se farão digressões...) e gostava de ter ido ver, mas já estava esgotada, uma peça de teatro pelo TN S.João, "o jovem alberto" (ou coisa parecida), a qual irá fazer digressão, mas ainda não estavam decididos datas nem locais... podia muito bem vir a Braga!!
Continuação de bom trabalho!

1:17 da tarde  
Blogger eremitalf said...

Parabéns pela excelente programação!

10:36 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home